top of page
  • Sérgio Fadul / Cruz Terra Santa

São Firmino de Amiens


Origens


Firmino, cujo nome original é Firmin, nasceu na região da Espanha dominada pelo império romano. Nasceu na cidade de Pamplona, no século III. Apesar da proibição do cristianismo pelos romanos, Firmino nasceu numa família cristã. Além disso, sua família era nobre, rica e influente em Pamplona. Seu trabalho evangelizador, porém, destacou-se na “Gália”, atual França. A tal ponto que ele passou a ser chamado de “O Apóstolo das Gálias”.


Missão


Firmino era um cristão exemplar na cidade de Toulouse. Mesmo antes de se tornar sacerdote, fazia pregações que eram muito apreciadas pelos cristãos. Ele fez muito sucesso entre os fiéis por causa do seu conhecimento profundo das verdades da fé cristã. Tanto, que quando o líder da comunidade, um sacerdote chamado Honesto, já não tinha mais condições de guiar os fiéis,

o povo o elegeu por unanimidade. Por isso, ele foi ordenado sacerdote e sagrado bispo de Toulouse.


Apostolado


Firmino, iniciou seu apostolado com a intenção de dar fim às trevas do paganismo que reinava na região. Para tanto, ao invés de gastar seu tempo falando mal ou desclassificando as religiões pagãs, procurava dar um exemplo de santidade, virtude e fé. E isso tocava os corações. São Firmino ficou famoso na região por causa de sua santidade. Fazia incansáveis peregrinações a cidade importantes na França como Beuvais, Angers, Auvergne, Age e Beuvais. Nesta última, milhares de pessoas abandonaram o paganismo e abraçaram a fé cristã por causa da pregação e do exemplo de vida de São Firmino.


O poder da graça


Entre os convertidos de Beuvais, destaca-se o caso de Rômulo e Arcádio. Esses dois eram perseguidores implacáveis de São Firmino. Chegavam a usar a força do império romano para perseguir e desmoralizar o santo. Porém, começaram a perceber a santidade, bondade, virtude cristã e firmeza na fé demonstradas pelo bispo. Depois, começaram a ouvir suas pregações e presenciaram curas acontecidas pela intercessão do bispo. Tudo isso fez com que os dois cedessem diante das evidências. Assim, tocados pela graça, converteram-se a Jesus Cristo.


Perseguição


Porém, o tempo era de perseguição contra a fé cristã imposta pelo império romano. Por isso, o apostolado brilhante de São Firmino despertou a atenção de autoridades romanas. Uma delas foi um governador romano chamado Valério. Este, queria a todo custo que os franceses convertidos por São Firmino, voltassem a prestar culto aos deuses pagãos. Porém, sabendo que o povo da região tinha grande veneração pelo bispo e com medo de uma revolta, ordenou sua prisão e, depois, sua decapitação sem julgamento público oficial.


Morte


São Firmino foi morto no ano 290, o que causou grande dor no seio dos fiéis. Ele recebeu o título de "Apóstolo das Gálias", por sua missão evangelizadora na região. Após o derramamento do sangue deste mártir, a Igreja na França se fortaleceu ainda mais. O corpo de São Firmino está sepultado na catedral de Amiens. Desde então, São Firmino passou a ser festejado pelos espanhóis e franceses. Por isso, seu culto passou a ser difundido em todo o mundo cristão.


Oração a São Firmino


“Ó Deus, que destes a São Firmino a força do apostolado e a graça de viver e praticar as virtudes de uma vida santa, a ponto de converter milhares de pagãos, dai também a nós a graça de sermos fiéis ao chamado que nos fizestes para que muitos, vendo nosso testemunho, se aproximem de vós. Por nosso Senhor Jesus cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito santo, amém. São Firmino, rogai por nós.”


MARTIROLÓGIO ROMANO

25/09


1. Comemoração de São Cléofas, discípulo do Senhor, que, seguindo em viagem com outro discípulo, sentiu arder-lhe o coração quando Cristo, na tarde da Páscoa, lhes apareceu no caminho e lhes explicava as Escrituras e depois, na povoação de Emaús, reconheceu o Salvador na fracção do pão.


2. Em Amiens, na Gália Bélgica, atualmente na França, São Firmino, venerado como bispo e mártir.

(† data inc.)


3. Em Damasco, na Síria, os santos mártires Paulo e Tata, esposos, e seus filhos Sabiniano, Máximo, Rufo e Eugénio, que, acusados de serem cristãos, depois de suportarem açoites e outros suplícios, entregaram a sua alma a Deus.

(† c. s. IV)


4. Em Chartres, na Gália Lionense, na hodierna França, São Solene, bispo.

(† a. 511)


5. Em Soissons, na Gália Bélgica, também na atual França, São Princípio, bispo, irmão de São Remígio.

(† s. VI)


6*. Em Cork, na Mormónia, província da Irlanda, São Finbarro, bispo.

(† s. VI)


7. Em Auxerre, na Nêustria, atualmente na França, Santo Anacário ou Aunacário, bispo, durante cujo episcopado se concluiu o chamado Martirológio Jeronimiano.

(† 605)

8*. Em Cusance, no território de Besançon, na Nêustria, também na atual França, Santo Ermenfredo, abade.

(† c. 670)


9*. No mosteiro da Santíssima Trindade, na região de Moscovo, na Rússia, São Sérgio de Radonez, que, depois de viver como eremita na aspereza da floresta, seguiu a vida cenobítica, que propagou desde que foi eleito hegúmeno; foi sempre um homem de índole afável, conselheiro de príncipes e consolador dos fiéis.

(† 1392)


10*. Na serra de Alpujarras, próximo de Granada, na Andaluzia, região da Espanha, o Beato Marcos Criado, presbítero da Ordem da Santíssima Trindade dos Cativos e mártir, que foi morto pelos Mouros.

(† 1569)


11*. Em Carrión de Calatrava, povoação próxima de Ciudad Real, também na Espanha, os beatos mártires João Pedro de Santo António (José Maria Bengoa Arangúren), presbítero, e Paulo Maria de São José (Pedro Leoz y Portillo), religioso da Congregação da Paixão, e Jesus Hita Miranda, religioso da Companhia de Maria, que, durante o furor da perseguição religiosa, foram fuzilados pelos milicianos em ódio à Igreja.

(† 1936)


12♦. Em Madrid, também na Espanha, os beatos João Codera Marquês e Tomás Gil de la Cal, religiosos da Sociedade Salesiana e mártires na mesma perseguição contra a Igreja.

(† 1936)


13*. Em Urda, próximo de Toledo, na Espanha, o Beato Félix das Cinco Chagas (Félix Ugalde Irurzun), religioso da Congregação da Paixão, que, fuzilado por causa da sua fé cristã durante a grande perseguição, alcançou a palma do martírio.

(† 1936)

66 visualizações

留言


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page