• Sérgio Fadul / Cruz Terra Santa

São Dâmaso


Origens


Sabe-se que Dâmaso nasceu na cidade de Guimarães, em Portugal e que teve uma irmã também canonizada: Santa Irene. Possuía cultura elevadíssima, instrução primorosa, era poeta, arquivista e amava a arqueologia. Esses seus dotes foram de grande importância para o futuro da Igreja. Não se sabe muito sobre sua trajetória até chegar a ser eleito Papa. Sabe-se, porém, que ele deixou um legado que assegurou na Igreja a fidelidade aos textos sagrados e a conservação dos originais pela pureza da fé.


Organizador da Doutrina


São Dâmaso foi o primeiro Papa a ordenar que se organizasse os arquivos da Igreja. Em seu ministério, procurou acuradamente conservar versões fiéis, originais e autênticas dos escritos dos pri­meiros Padres. Inclusive, ordenou a destruição de versões apócrifas e deturpa­das dessas obras, para que, nos tempos futuros elas não fos­sem usadas e manipuladas por hereges.


Única versão oficial da Bíblia


Com a mesma intenção de conservar a santa Doutrina, São Dâmaso percebeu que a Igreja precisava de uma única ver­são oficial das Sagradas escrituras. Por isso, incumbiu seu secretário, o extraordinário poliglota São Je­rônimo, de trabalhar numa tradução la­tina da Bíblia, usando como fonte os textos originais gregos ou hebraicos. Foi desse trabalho gigantesco de São Jerônimo que nasceu a famosa Bíblia em Latim conhecida como Vulgata. Esta assegurou aos católicos a certeza do acesso o mais direto possível aos textos sagrados originais durante vários séculos. Somente séculos mais tarde, surgiram outras versões.


Resgatando a História da Igreja


São Dâmaso ordenou que se fizessem esca­vações de estudo e obras para a conservação das catacumbas de Roma. Estas, tinham sido abandonadas desde que o imperador Constantino concedera liberdade à Igreja, no ano 312. São Dâmaso, pessoalmente, estudou e escreveu os epitáfios dos inúmeros mártires que iam sen­do descobertos nos corredores subter­râneos de Roma. Tais epitáfios foram escritos em forma de poesia.


Pontificado fecundo


O pontificado de São Dâmaso durou dezoito anos e foi um dos mais fecundos dos primórdios da Igreja. Ele deu grande apoio a Santo Atanásio na luta contra a heresia conhecida como arianismo. Combateu fortemente tanto esta heresia quanto outras diversas de sua época. Foi um dos primeiros Papas que definiu a autoridade do Papa sobre toda a Igreja como sendo uma au­toridade que lhe é dada diretamente por Jesus Cristo, e não através de delegação advinda dos bispos ou concílios. Sua influência era tanta que, por causa dele, retiraram a estátua da deusa Vitória do Senado Romano visando eliminar vestígios dos cultos pagãos oficiais.


Oração a São Dâmaso


“Senhor, por intercessão de São Dâmaso, concedei-me fidelidade aos Vossos ensinamentos. Livrai-me, Pai de Bondade, da preguiça espiritual e dai-me consciência de que, quanto mais eu Vos buscar em oração, maiores serão as bênçãos em minha vida. Amém.”

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square